08/04/2016 Número de leitores: 372

Como ser um artista mais disciplinado e cultivar bons hábitos

Guilherme Rabelo Girardi Martins Ver Perfil

Como ser um artista  mais disciplinado e cultivar bons hábitos

 

Comunicação:

  • Como você se relaciona com o cliente

  • O que você quer comunicar como produção artística

 

Visibilidade

  • Pra quem você esta produzindo.

  • Quem consome sua arte, qual o seu publico.

 

3 Fundamentos

  • Restrições: Focar nas coisas certas, não perca tempo tentando ser bom  em tudo, atirar para todos os lados.

  • Poética: Encontrar seu estilo, saber quem você é e o que comunica

  • Produzir sempre : exercitar fundamento básicos sempre, buscar conhecimento, habilidade não é talento, e sim muito treino e trabalho.

 

‘’Hábitos de investigação’’

  • Qual o meu diferencial, dentre tantos outros artistas no mercado, qual minha parcela de inovação

  • Apresente algo novo, existem centenas de copiadores as pessoas querem novidades, saiba o que já foi feito, de que forma foi feito

  • Entenda como suas experiencias se traduzem em imagens, as coisas que acontecem, suas ideias, vivencias, como representar e interpretar. Tranforme a arte em uma extensão da sua vida.

  • Experimente, saia da sua zona de conforto, abrace novas experiencias para ir encontrando seu caminho

  • Não produza sem bases teóricas , cultivar fundamentos como anatomia, proporções, luz e sombra são essenciais.

 

Persistência

  • Se force a fazer as coisas, ponha metas no seu dia a dia

  • Por mais doloroso que seja, por mais desastroso que o trabalho aparente, termine o. Fechar ciclos é importante, crescer doí e se as coisas estiverem fáceis desconfie

  • Não espere as coisas acontecerem, faça as coisas que tem vontade

 

Excelência

  • Seja tão bom quanto você quiser, não pense pequeno , nivele suas metas por cima e não se compare aos outros busque ultrapassar aqueles que um dia foram suas referencia

  • Não espere que os outros respeitem você ou o seu trabalho construa seu próprio respeito.

  • Tem o compromisso com você, e sua obra, de oferecer sempre o melhor, mesmo que o trabalho em questão não exija.

 

Os maus hábitos

  • Falta de comunicação com o cliente, em termos de deadlines por exemplo, seja honesto não tenha vergonha de pedir uns dias a mais. É melhor ser sincero do que esconder a verdade.

  • Procrastinação, estabeleça metas diárias , cuidado com o uso de mídias digitais, Quanto antes se abordar problemas enfrentados mais fácil e rápido sera resolvido.

  • Desorganização tanto espacial, do local de trabalho quanto de horários é importante manter uma rotina.

 

Ensino

  • Diploma é importante pois facilita a contratação apesar de não ser uma garantia

  • Algumas empresas no exterior exigem diploma por questões de legislação

  • Um curso na faculdade também é importante pelas experiencias, os contatos e os profissionais com os quais você ira se relacionar

  • Um curso que não seja 100% encaminhado para seu interesse profissional  tem validade de aprendizado, muitas coisas serão uteis posteriormente independente da areá especifica escolhida.



Indicação de leitura: ‘’Art & Fear: Observations On the Perils (and Rewards) of Artmaking’’

 

Guilherme Rabelo Girardi Martins