05/10/2015 - PROSA
ROTA EMOCIONADA
29/09/2015 - PROSA
Amanhecer
VER MAIS
    SÓ POR HOJE

    Super legal essa ideia de poder publicar aqui os textos, show, gostei.

    Geraldo Correa de Melo
    SUPERIORIDADE

    Olá, como vão? Esse texto pode ser publicado? abraços

    Jacimara Lourenço Tenório
    Amor

    Na imensidão,o amor, ainda que se faça maior, ainda é apenas um fragmento do todo. Exaltado nos lábios que se unem, no ilusionismo da paixão.

    Luz Eubr
    ola!

    Amo café!!!!

    Luz Eubr
    SEGUNDA CHANCE

    Galera, aproveitem a leitura! Espero que gostem.

    Ramon Almeida
    AS DESVENTURAS DA ALMA MAIS HONESTA DO BRASIL

    Causa surpresa e consternação a qualquer mente sensata que alguns partidários seus não hesitem em se manifestar raivosamente contra a figura do Dr. Moro. Como entender a lógica dessas pessoas, se alguém que se intitula "a alma mais honesta do Brasil" pode enfim contar com um interlocutor à sua altura?

    PAULO MONTEIRO
    Prosa

    Interiorize-se A mente vazia liberta a alma e adiciona felicidade! Vá! Pegue o que é seu de direito na via expressa da sua vida. A vitória está quando você sorri para as lágrimas! Aliste-se e ganhe a sua pequena guerra particular! Afirme-se na lama, deslize no ladrilho e obtenha a coragem necessária. Pise na grama do vizinho!

    Louise M. de Oliveira
    A GRANDE CURVA

    Tomei conhecimento do Cronopios hoje(12/06/217) di dos namorados, e me enamorei pelo que vi...Espero ser feliz aqui...Para me apresentar, um texto meu, ok? A GRANDE CURVA (Celso Correia de Freitas) Meu Deus não me deixe partir Sem voltar à Corumbá Quero de novo sentir Aquela saudade que vai Permitir que eu veja a vida passar (Repete) Pelo Rio Paraguai Meus olhos nas águas correntes Navegando com a chalana A grande curva à frente Lembrança que de mim não sai Festejar a natureza que pulsa (Repete) Por todo o Rio Paraguai Não eu não posso morrer Sem voltar a Corumbá O rio que trago comigo Me pede pra retornar Preciso depressa rever esse rio (Repete) Pra minha saudade matar No remanso desse rio Minha alma vou lavar Deixar minha mente fluir Pro meu coração socegar Preciso depressa rever esse rio (Repete) Pra minha saudade matar

    Celso Corrêa de Freitas
    Nós os "trouxas" e eles os "espertos"

    Se conseguirmos superar esse estágio tribal inicial de mesquinha confrontação e revanchismo a que somos levados pelo engajamento por motivos errôneos (como, por exemplo, acreditar que o nosso partido é idôneo e limpo, quando já sabemos que nenhum partido no Brasil o é) e pelo orgulho ferido e pararmos de defender cegamente os políticos e partidos de nossa preferência, contra todas as evidências em contrário, e desistirmos de revidar infantilmente, apenas apontando exemplos similarmente incriminadores aos oponentes, quando sequer aceitamos em nosso íntimo os exemplos que mancham de forma inegável as nossas escolhas políticas, poderemos finalmente estar unidos nesse quesito e ter a força necessária para exigir as mudanças profundas que são necessárias e que jamais lograremos alcançar enquanto estivermos divididos.

    PAULO MONTEIRO
    Por que não se critica o Comunismo da mesma forma que se critica o Nazismo?

    Até quando continuaremos sem perceber que, devido à extraordinária capacidade de dissimulação que lhe permite iludir um imenso contingente de pessoas, o Comunismo é a Matriz piorada de onde bebeu o Nazismo? Até quando hesitaremos em situá-lo no mesmo rol demoníaco onde foi gestado o Nazismo? Até quando permanecerá essa pergunta sem uma resposta plausível e lógica: porque razão não se critica o comunismo da mesma forma que se critica o nazismo? Será de fato necessário que cheguemos aos últimos degraus de descida para o Inferno e enfrentemos as conseqüências de tais escolhas, para nos apercebermos da verdade?

    PAULO MONTEIRO
    A IMPUNIDADE, O FORO PRIVILEGIADO E O “IMPEACHMENT” DE DILMA ROUSSEFF

    Para nós, que apenas tateamos no início dessa jornada de combate à Corrupção – ou pelo menos assim se espera que seja -, julgo que o primeiro e mais fundamental passo a ser dado para combater o convite à bandalheira generalizada que a certeza da IMPUNIDADE causou e causa na cabeça de tantos políticos é exatamente o fim imediato do Foro Privilegiado.

    PAULO MONTEIRO
    Minha Primeira Vez

    Somente hoje tomei conhecimento desse espaço onde posso me expressar. Vamos ver até onde posso chegar, áté onde minha inspiração vai me levar. Vamos bater um papo?

    Fabricio Souza Pinto
    ola

    ...

    Leonardo Adames Martins
    “PANETONE”®

    Gostei! Texto engraçado e bem escrito. Ahh, também acho chocottone bem mais gostoso! kkkk

    Carol
    Ato cirúrgico derradeiro

    Ato cirúrgico derradeiro http://www.cronopios.com.br/rede_cronopios/content.php?artigo=12787&categoriaid=3

    Luh Pires
    Mulheres Escritoras - Uma pequena Retrospectiva

    Retrospectiva aque ponta a tragetória feminina, desde a Grécia antiga até os dias de hoje e, de maneira bastante didática, o surgimento da vocação da escritora. Toda a trajetória, lutas, angústias e obstáculos que foram vencidos, para que a mulher pudesse ter o direito à expressão literária.

    Rozane Martha
    Dúvidas...

    Quando entrei no "Cronopios" gostei da ideia, no entanto percebo que algumas ferramentas poderiam ser mais simples...

    Émerson Cardoso
    cronica numa ilha de pensamentos

    As pessoas so pensao no que os outros sao e esquecem do queles.sao.

    Alicio Isac Nhabomba
    As palavras

    Indico para publicação.

    ANDRÉ MACIEL DE OLIVEIRA
    As letras

    Indico para publicação.

    ANDRÉ MACIEL DE OLIVEIRA